Estima-se que a diferença entre a expectativa de vida (o número médio de anos que a pessoa vive) e expectativa de vida saudável (o número médio de anos que a pessoa vive sem problemas de saúde) é, pelo menos, sete anos a nível mundial.

A região Ásia-Pacífico, em particular, tem uma lacuna de 8 anos entre estas duas medidas. A indústria continua a se concentrar na oferta de produtos que podem reduzir ativamente esta lacuna e alavancar a tendência de “envelhecimento ativo”. Espera-se que os produtos com nutrição enriquecida, benefícios adicionais de saúde e em um formato que é fácil de consumir terão fortes oportunidades de crescimento. Principalmente quando se trata de atrair a crescente população em envelhecimento na Ásia-Pacífico.

O foco não é apenas no envelhecimento da população da Ásia-Pacífico. Mas também sobre os jovens preocupados com o envelhecimento e a necessidade de atender às suas preocupações para fechar a lacuna entre a sua esperança de vida e a expectativa de vida real.

 

Produtos utilizados para o envelhecimento ativo

 

Os consumidores de hoje estão dispostos a pagar por produtos para reduzir os sinais de envelhecimento e para resolver problemas de saúde. Dois ingredientes específicos  se destacam no mercado Ásia-Pacífico: antioxidantes e colágeno. Os benefícios de saúde reivindicados por estes ingredientes são particularmente bem conhecidos na região. Além disso, continuam a atrair grande interesse entre aqueles que estão preocupados com o envelhecimento ativo. Alimentos e bebidas que contêm altos níveis de antioxidantes embalados continuam a ver um aumento nas vendas em valor de varejo.

 

foto_artigo_alimentação_Asia

 

O chá verde pronto para beber na Ásia-Pacífico viu o valor das vendas chegar a U$ 11,0 bilhões em 2013. Isso traduz um crescimento de 7% ao ano entre 2008 e 2013, com base nas estatísticas do Euromonitor International. Quando se trata de produtos com colágeno, Ásia-Pacífico é onde os consumidores estão dispostos a experimentar os mais recentes produtos e inovações.

Por último, os segmentos-alvo chave esperados para impulsionar as vendas de produtos de envelhecimento ativo na Ásia-Pacífico são definidos como “os saudáveis, ricos e pronto para gastar”. Os países desenvolvidos, incluindo o Japão, Singapura e Hong Kong têm rendimentos disponíveis mais elevados para gastar em comida para envelhecimento ativo e bebidas. Esses países também têm uma expectativa de vida saudável relativamente mais elevada para desfrutar de tais produtos.

David Lederman é presidente da Lederman Consulting & Education e organizador dos Workshops Oficiais do Disney Institute no Brasil.
 
Fundador da Escola Nacional de Qualidade de Serviços (ENQS) e Professor de Pós Graduação no curso Gestão de Processos e Serviços da Fundação Vanzolini. 
Para saber mais sobre a metodologia de como transformar sua empresa num negócio “age friendly” (amigável ao idoso) entre em contato conosco faleconosco@ledermanconsulting.com.br
Para saber mais sobre Qualidade de Serviços Disney e Inovação e Criatividade Empresarial Pixar, veja nossos cursos presencias no Brasil e em Orlando: Clique aqui.

Aplicando na Prática o Jeito Disney de Encantar Clientes: 16 de maio de 2019

Lições de Criatividade Estilo Disney/Pixar: 17 de maio de 2019